A MODA E OS PORTADORES DE ACONDROPLASIA: UM ESTUDO COMPARATIVO ATRAVÉS DA MODELAGEM DE CALÇA

Ana Claudia Alcantara, Adilson da Silva, Andressa Soares

Resumo


O artigo é o resultado da pesquisa envolvendo portadoras de acondroplasia. A pesquisa identificou que a peça de maior dificuldade de aquisição é a calça. Sendo assim, fez-se a criação de três modelos de calças jeans. Escolheu-se um e executou-se a peça protótipo que serviu para comparar e projetar as dificuldades que os portadores deste tipo de deficiência passam para adaptar um modelo destinado para pessoas normais ao corpo de portadoras de acondroplasia. Como resultado tem-se que é muito difícil adaptar uma peça e que a moda precisa ter um olhar mais apurado para todos os públicos, mesmo que este seja de pequena proporção. Sugere-se a importância e a necessidade de ter empresas que desenvolvam produtos do vestuário para este público.


Texto completo:

PDF

Referências


CAMARGO, Priscila Aparecida K. Pinto; VALENTE, Eunice Lopez. A Moda como fator de inclusão social das mulheres portadoras de acondroplasia. In: 7º Colóquio de Moda, 2011, Maringá. 7º Colóquio de Moda, 2011.

FIORINI, Verónica, Design de moda: abordagens conceituais e metodológicas. In: PIRES, Dorotéia Baduy. (Org.). Design de moda: olhares diversos. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2008. p. 95-114.

JONES, Kenneth Lyons. Padrões reconhecíveis de malformações congênitas. 5. ed. São Paulo: Manole, 1998. xviii, 846 p, il.

KORBES, Rafael; LASCHUK, Tatiana; COSTA, Thays Neves. Estudo de modelagem plana para pessoas com nanismo. In: 10º Colóquio de Moda, 2014, Curitiba. 10º Colóquio de Moda, 2014.

LIMA, R. O, SILVA, C.P, CERVAN, M.P.; COSTA R.F Acondroplasia: revisão sobre as características da doença. Centro de Esudos e Pesquisas Sanny – CEPS . Grupo de Pesquisa em Disfunção do Movimento Humano da Faculdade de Fisioterapia da UNISANTA, 2008.

Acesso:

MATHARU, Gurmit. O que é design de moda?. Porto Alegre: Bookman, 2011. 256 p, il.

MARTINS, Suzana Barreto, Ergonomia e moda: repensando a segunda pele. In: PIRES, Dorotéia Baduy. (Org.). Design de moda: olhares diversos. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2008. p. 319-336.

MOURA, Mônica, A moda entre a arte e o design. In: PIRES, Dorotéia Baduy. (Org.). Design de moda: olhares diversos. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2008. p. 37-73.

PEREIRA, Andréia, CRUZ, Maria Alice Ximenes. Moda inclusiva: a necessidade da moda inclusiva no mundo hoje. Revista Tecnológica da Fatec Americana, Americana. v.4, n.1, p.125-150, mar./set. 2016.

SILVA, Adilson da; FLORENÇO, Ione Laurindo. Aplicação da modelagem matemática ao ensino-aprendizagem da disciplina modelagem industrial de roupas. In: SIMPÓSIO DE ENGENHARIA DE PRODUÇÃO – SIMPEP, 19,2012. Anais. São Paulo: 2012.

SMITH, David W; JONES, Kenneth Lyons. Síndromes de malformações congênitas: aspectos genéticos, embriológicos e clínicos.3. ed. São Paulo: Manole, 1985. xvii, 671 p, il.

VICENTINI, Cláudia Garcia; CASTILHO, Kathia,Design do corpo, design da roupa: uma análise semiótica. In: PIRES, Dorotéia Baduy. (Org.). Design de moda: olhares diversos. São Paulo: Estação das Letras e Cores, 2008. p. 389-411.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.