MANEJO E APROVEITAMENTO TÊXTIL DA FIBRA DE TUCUM (Astrocaryum chambira Burret)

Lais Pennas, Julia Baruque-Ramos

Resumo


A utilização de fibras vegetais nativas como fonte de matéria-prima na indústria têxtil é interessante por se tratar de um recurso natural e renovável e em razão da enorme variedade de plantas disponíveis na biodiversidade, passíveis de serem pesquisadas. Ademais, pode ajudar a preservar a biodiversidade local, além de em alguns casos preservar conhecimento de comunidades locais e colaborar para o seu auto sustento. A fibra do tucum é uma fibra vegetal retirada da folha da palmeira Astrocaryum chambira Burret, espécie nativa amazônica. O processo que começa com a retirada da fibra até a fabricação de um fio artesanal conhecido como “Linha do Tucum”, faz parte do conhecimento da comunidade Vila Ecológica Céu do Juará, localizada no município de Ipixuna (AM, Brasil). Este estudo objetivou realizar uma revisão bibliográfica sobre a palmeira do tucum, além de relatar o processo de extração da fibra e fiação artesanal feitos por esta comunidade amazônica. Mais estudos são necessários para que se possa viabilizar a sua aplicabilidade na indústria, incorporando, além dos aspectos técnicos, a análise dos impactos do processo de extração, de beneficiamento e descarte de modo a assegurar sua sustentabilidade.


Texto completo:

PDF

Referências


ABREU, R.; NUNES, N. L. Tecendo a tradição e valorizando o conhecimento tradicional na Amazônia: o caso da" linha do tucum". Horizontes Antropológicos, v. 18, n. 38, p. 15-43, 2012.

AGUIAR NETO, P. P. Fibras têxteis. Rio de Janeiro: SENAI/CETIQT, 1996. v. 2. (Série Tecnologia Têxtil).

BALICK, M. J. Current status of Amazonian oil palms. Oil palms and other oilseeds of the Amazon. Reference Publications, Algonac, Michigan, p. 172-182, 1985.

BALSLEV H., C. GRANDEZ, N.Y. PANIAGUA ZAMBRANO, A.L. MOLLER & S.L. HANSEN. Palmas (Arecaceae) útiles en los alrededores de Iquitos, Amazonía Peruana. Revista Peruana de Biología, v. 15, p. 121-132, 2008.

BODMER, R. E., R. AQUINO, P. E. PUERTAS, C. J. REYES, T. G. FANG & N. L. GOTTDENKER. Manejo y uso sustentable de pecaríes en la Amazonía peruana. Comisión de Supervivencia de Especies. IUCN, 1997.

BORGTOFT, P. H. Notes on extractivism in Ecuador with special emphasis on management and economic exploitation of native palms. Sc. Nat. PhD Thesis. Risskov (Denmark), University of Aarhus, 1993.

COOMES, O. T. Rain forest ‘conservation-through-use’? Chambira palm fibre extraction and handicraft production in a land-constrained community, Peruvian Amazon. Biodiversity & Conservation, v. 13, n. 2, p. 351-360, 2004.

FERREIRA, E. L. Manual das palmeiras do Acre, Brasil. Rio Branco: Instituto Nacional de Pesquisas/Universidade Federal do Acre, 2005.

GALEANO, G.; BERNAL, R. Palmas de Colombia: guía de campo. Bogotá. Universidad Nacional de Colombia, Facultad de Ciencias, Instituto de Ciencias Naturales, 2010.

GIL, A.C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2008.

GUIMARÃES, M.; NOVACK, K. M.; BOTARO, V. R. Caracterização anatômica da fibra de bambu (Bambusa vulgaris) visando sua utilização em compósitos poliméricos. Revista Iberoamericana de Polímeros, v. 11, n. 7, p. 442-456, 2010.

HENDERSON, A.; GALEANO, G. R.; R. BERNAL. Field guide to the palms of the Americas. Princeton (New Jersey): Princeton University Press., 1995.

JENSEN, O. H.; BALSLEV, H. Ethnobotany of the fiber palm Astrocaryum chambira (Arecaceae) in Amazonian Ecuador. Economic Botany, v. 49, n. 3, p. 309-319, 1995.

KAHN, F. El género Astrocaryum (Arecaceae). Revista Peruana de Biología, v. 15, p. 31-48, 2008.

KAHN, F.; DE GRANVILLE, J.-J. Palm communities in the forest ecosystems of Amazonia. In: Palms in Forest Ecosystems of Amazonia. Ecological Studies, Vol. 95. Springer Berlin Heidelberg, 1992. p. 41-89.

KAHN, F.; MILLÁN, B. Astrocaryum (Palmae) in Amazonia: a preliminary treatment. Bulletin de l'Institut francais d'etudes andines, v. 21, n. 2, p. 459-531, 1992.

MARINELLI A. L.; MONTEIRO M.R.; AMBRÓSIO J.D; BRANCIFORTI M.C.; KOBAYASHI M.; NOBRE A.D. Desenvolvimento de compósitos poliméricos com fibras vegetais naturais da biodiversidade: uma contribuição para a sustentabilidade amazônica. Polímeros: Ciência e Tecnologia, v. 18, n. 2, p. 92-99, 2008.

NUNES, N. Documentário “LINHA DO TUCUM: a linha da lealdade”. Direção: Noilton Nunes. Produção: Imagine Filmes. 2009. 50 min. Disponível em: . Acesso em: 12 jan. 2017.

STEVENSON, P. R.; QUIÑONES, M. J.; CASTELLANOS, M. C. Guía de frutos de los bosques del río Duda, Macarena, Colombia. Netherlands Committee for IUCN, Tropical Rain Forest Programme, 2000.

WIKIPEDIA. Astrocarym chambira. 20 out. 2016. Disponível em: Acesso em 18 fev. 2017.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.